DEDALUS - N.º 17 / 18 - 2013/2014


Ficha Técnica

Nota Introdutória



PENSAR O COMPARATISMO

PRIMEIRO VOLUME

Maria Alzira Seixo, Os Factos e os Feitos
Eva Kushner, Hier, Aujourd’hui, Demain...
Ana Gabriela Macedo, A Literatura Comparada não é um no-man’s land
David Damrosch, Tupi or Not Tupi: The World in the Nation
Jean Bessière, Quelques notes sur l’universalisation de la littérature que suppose la notion de « World Literature », et quelques propositions pour caractériser les oeuvres de la « World Literature »
Maria Hermínia Amado Laurel, Perspectivas contemporâneas sobre o espaço, em literatura
Steven P. Sondrup, The Narrative Demands of Postmodernist Literacy History
João Almeida Flor, “Shell Shock” – Trauma, Poesia e Memória (1914-18)
Camille de Toledo, L’entre-des-langues
Maria Eduarda Keating / Marie-Manuelle Silva, O conto oral: entre mediação e performance
Sandra Pereira Vinagre, Ecos de Cassandra num Auto de Gil Vicente
Maria Mafalda Viana, O trágico em Afonso IV na Castro. O modelo improvável de Ésquilo em contexto cristão
Thaïs Flores Nogueira Diniz, Shakespeare Intermidiático
Isabel Pinto, Sumptuoso decalque: memórias do corpo do herói no teatro português do século XVIII
Junia Barreto, A estreia do grotesco na dramaturgia francesa do século XIX. Percalços do drama romântico de Victor Hugo
Tânia Filipe e Campos, Strindberg in Portugal: 109 Years on Stage
Sonia Pascolati, Jean Anouilh e a renovação da tragédia pelo metateatro
Rosa Figueiredo, Participant theatre: Soyinka’s version of a Greek classic, The Bacchae of Euripides
Maria João Brilhante, Do Teatro ao Perfinst: a obra de arte viva segundo a Karnart
Ana Paula Coutinho, Asas do Exílio em Berlim. Cruzando Dubravka Ugrešić e W.Wenders/P. Handke
Ana Rita Figueira, O Mito de Medeia em Pasolini – Ciclos de Morte e de Renascimento
Luísa Afonso Soares, Lugares de afecto ou de contenção: a economia das emoções em Do Outro Lado de Fatih Akin
Mariana Veiga Copertino F. da Silva, Teatro e teatralidade na obra de Manoel de Oliveira: uma análise de Mon cas
Patrícia da Silva Cardoso, Amor de Perdição – discurso romanesco e cinematográfico
Miriam de Paiva Vieira, Vermeer na era da reprodução digital e comunicação virtual
Fabio Mario da Silva / Ana Luísa Vilela, Diálogos no feminino: a relação entre as obras de Florbela Espanca e Mily Possoz
Wanda de Paula Tofani, Paula Rego e Georges Bataille: um diálogo intertextual sob o signo do erotismo
Icíar Álvarez Pérez, The Turn of the Screw: Benjamin Britten’s Recreation of Henry James’ Novella
Luís Manuel Gaspar Cerqueira, Para onde foi o género épico?
Henrique Miguel Carvalho, Homero Mentiroso: Aspectos da recepção de Homero pela historiografia e filosofia Gregas
Rui Carlos Fonseca, A dívida de Atena e o dolo de Hera. As divindades homéricas entre o épico e o paródico
Gustavo Scudeller, Mitos da identidade e apologia da mestiçagem: a Língua Portuguesa na épica brasileira contemporânea
Altamir Celio de Andrade, Narrativas Bíblicas sobre Mulheres: Repensando a Tradição à Luz da Diáspora, da Amizade e da Hospitalidade
Ana Fernandes, Hérodiade, entre l’art et la littérature
Joana Serafim, A tradição manuscrita portuguesa da Regula Benedicti: perspetivando o seu enquadramento na família europeia
Maria João Toscano Rico, Theory and practice of medieval Portuguese translation: Translation Studies and Comparatism in the approach of the cultural semiotic universe
Maria de Fátima Outeirinho, Experiências viáticas entre texto e imagem: livros de ler-ver
Célia Nunes Carvalho, O périplo literário de Gonçalo M. Tavares. Conexões desconexas em Uma Viagem à Índia
Leonor Martins Coelho, Cruzando mares. Ilha(s) e emigração
Ana Isabel Moniz, Viagem e Evasão em Helena Marques
Isabel Maria Fernandes Alves, Sob a influência da natureza: do Transcendentalismo à ima-ginação ambiental. Exemplos de uma viagem americana
Paula Alves dos Santos, Jean Dutourd e a viagem em 2024: transferências e cruzamentos do olhar
Agripina Carriço Vieira, Da História para a ficção: Percursos de escrita na representação da nação angolana
Ana Margarida Fonseca, (Pós-)Memórias de África – as narrativas dos “retornados”
Fabrice Schurmans, Homogénéiser le multiple, célébrer l’hybridité. Analyse criti-que de l’approche comparative des théories postcoloniales
Carlos J. F. Jorge, Crimes, Castigos e Trevas Urbanas
Ana Cláudia Boavida Salgueiro da Silva, A cidade como espaço austeniano e dinisiano de encontros e reencontros
Fernando Gomes, Imagens da cidade perversa, alguns exemplos nas literaturas francesa e americana
Armando Senra Martins, Cidades na História da Áustria de Enea Silvio Piccolomini
Odete Jubilado, Cidades em Peças de Encaixar: La Colmena, La Vie Mode d’Emploi e Claraboia

SEGUNDO VOLUME

Marina da Costa Castanho, Algumas reflexões sobre o poema de Bocage “À morte de Leandro e Hero”
Rafael Esteves Martins, Sobre a nostalgia e o seu desenho poético (e algumas observações a dois poemas, de João Miguel Fernandes Jorge e de Anna Akhmatova)
Maria Heloísa Martins Dias, As Vozes Poéticas de Ana Hatherly e Nelson Ascher
João Amadeu Oliveira Carvalho da Silva, “Canto comum-de-dois” na poesia de Herberto Helder
Rui Miguel Duarte, Quando as luzes fecharem a noite / nos espelhos: écfrases na poesia de J. T. Parreira
Sharon Lubkemann Allen, Reimag(in)ing Story & History, Documentary & Fiction: (Re)visionary Images in Contemporary Novels
Elisabete Cação, Ecos de Demóstenes em Almeida Garrett. Tratado Da Educação, Portugal na Balança da Europa e Discurso Sobre a Lei Décima
Maria Eduarda Borges dos Santos, Ana Plácido ou a ‘transgressão’ feminina
Regina Célia dos Santos Alves, O Rio em Crônicas de Joaquim Manuel de Macedo, João do Rio e Marques Rebelo
Flávia Giúlia Andriolo Pinati, O discurso dialógico de Bentinho: uma análise sobre o narrador em Dom Casmurro e Capitu
Miguel Filipe Mochila, O desiderativo e o excesso: sensualização da experiência redentora e apologia do Homem sensível nas poéticas de Miguel de Unamuno e de Vergílio Ferreira
Maurício Cesar Menon, A Utopia revisitada no Reino de Kiato
Lisa Carvalho Vasconcellos, 1936: história, memória e ficção
Milena Mulatti Magri, Limites entre ficção e testemunho na literatura brasileira contemporânea: Onde andará Dulce Veiga?, de Caio Fernando Abreu
Cátia I. N. Berlini de Andrade, Fernando Pessoa: personagem de José Saramago e Antonio Tabucchi
Sonia Miceli, As poéticas da paisagem em Ruy Duarte de Carvalho
Fátima Mendonça, Apropriações e transformações em Godido de João Dias
Joseana Paganine, Avalovara, de Osman Lins: um diálogo com a arte medieval
Daniela Aparecida da Costa, Paisagem com Mulher e Mar ao Fundo: Diálogos entre Literatura e História
Maria Lúcia Wiltshire de Oliveira, Para além do literário e do humano: diálogo de Llansol e Lispector com a ecocrítica
Maria João Simões, Acutilância da Imagologia: olhar (d)o ‘outro’ em Rentes de Carvalho e Van-Cauwelaert
Igor Gonçalo Furão, O esplendor da escuridão: Uma abordagem interdisciplinar do romance Uma Casa na Escuridão, de José Luís Peixoto
Vanderléia da Silva Oliveira, Caminhos do romance histórico brasileiro contemporâneo
Aristóteles de Almeida Lacerda Neto, Dom Quixote e Fogo Morto: um estudo comparado
Xaquín Núñez Sabarís, El microrrelato en José María Merino: estrategias narrativas de lo mínimo
Milena Guerson, Elementos da abordagem ut pictura poesis na narrativa balzaquiana Le chef-d’oeuvre inconnu – sobre o uso dos termos “poesia” e “poeta”
Luís Carlos Pimenta Gonçalves, Interférences culturelles et orthonymiques dans les traductions de Madame Bovary et de La Plaisanterie
José Domingues de Almeida, Côté montagne, côté rivière. Lecture comparatiste des romans La grande peur dans la Montagne (1925) de Ch.-F. Ramuz et Le repas chez Marguerite (1966) d’Hubert Juin
Margarita Alfaro Amieiro, La construction d’un espace géo-poétique francophone en Europe : l’expérience totalitaire et la représentation de l’exil
Jacopo Masi, Les pas d’Orphée, les pas d’Esteban: une poétique de la traversée
Anabela Mendes, A vida é uma infâmia!– Heiner Müller e Hannah Arendt
Fernanda Mota Alves, Histórias simples: o realismo minimalista na ficção de Ingo Schulze
Susana Correia, Um Mosaico de Odisseias: Die Heimkehr de Bernhard Schlink
José Pedro Serra, Traços Épicos em Guerra e Paz de L. Tolstói

ESTUDOS

Qingben LI, Yin-Yang Mode and the Ancient Oriental Thoughts of Eco-Aesthetics
Maria de Jesus Crespo Candeias Velez Relvas, Beholding a ‘Brave New World’: Sir Walter Raleigh’s The Discovery of Guiana and William Shakespeare’s The Tempest
Carlos F. Clamote Carreto, De Constantinopla a Avalon. Fragmentos de uma geografia metatextual
Maria Luísa Franco de Oliveira Falcão, From Madeira to Venus and Back
Maria Emília Fonseca, May Weapons Rust in Peace1: journey(s) with the Tree of Life

RECENSÃO

Ana Filipa Prata, Kathrin Sartingen e Esther Gimeno Ugalde (org.), Perspectivas actuais na Lusitanística – Literatura, Cultura, Cinema e Língua (Munique: Martin Meidenbauer, 2011)